O serviço de massagens é sujeito a marcação prévia e deve ser agendado diretamente com a massagista Goreti Nunes através do telemóvel 917 740 207.

 

Massagem de Relaxamento

 

A massagem de relaxamento tem em vista o relaxamento físico e psicológico do cliente. Ao contrário da massagem terapêutica, neste tratamento a pressão aplicada vai de intensidade ligeira a média, sendo maioritariamente composta por movimentos suaves e lentos que percorrem todo o corpo.

Esta massagem é especialmente indicada para aliviar o stresse, melhorar a circulação, relaxar os músculos e aliviar tensões físicas e emocionais.


 

Massagem Geotermal (Terapia com Pedras Quentes)

 

Nesta terapia são utilizadas técnicas de massoterapia (técnicas avançadas de massagem alinhada a conhecimentos milenares de geoterapia e termoterapia) para massajar o corpo inteiro. Uma sessão tem a duração de 90 minutos, havendo recurso à aromaterapia (uso de essências naturais) e à termoterapia energética e bioquímica (pedras de basalto aquecidas, para transmissão de calor ao corpo).

Neste tratamento, o calor aplicado atua em profundidade, sendo possível atingir benefícios inalcançados com a termoterapia convencional e permitindo a realização de massagem eficaz sem as dores da massagem de mãos. A energia que provém das pedras penetra profundamente nos músculos, permitindo a limpeza, a desobstrução e a normalização do fluxo energético, obtendo-se a homeostase orgânica e energética que resulta em serenidade, relaxamento, calma e paz interior.

Tem como benefícios: melhoria das funções orgânicas e recarga energética; melhoria na circulação sanguínea; melhoria da mobilidade das articulações; alívio de dores na coluna vertebral, lombares e outras áreas aumento do tónus muscular; melhoria do fluxo da energia vital; estimulação de processos fisiológicos (ex. digestão, respiração, obstipação); eliminação de nódulos de gordura e combate à celulite; liberação de emoções reprimidas; apoio ao tratamento na compulsão pela comida (colocadas sobre o estômago).

Embora seja um conceito recente na Europa e nos Estados Unidos da América (cerca de 10 anos), existe referência milenar sobre o uso das pedras aquecidas no velho Egito, no Antigo Testamento, pelos monges tibetanos e japoneses, entre outros.